Fundo MA - Mário Aragão

Área de identificação

Código de referência

BR RJCOC MA

Título

Mário Aragão

Data(s)

  • 1964-2013 (Produção)

nível de descrição

Fundo

Dimensão e suporte

Documentos textuais: 0,42 m
Documentos iconográficos: 260 itens (98 fotografias, 58 diapositivos, 3 tiras de negativos flexíveis com 49 fotogramas e 55 negativos de vidro)
Documentos cartográficos: 1 item (mapa)
Documentos sonoros: 1 item (fita de áudio 14)
Documentos tridimensionais: 2 itens (crachás)

Área de contextualização

Nome do produtor

(1918-1999)

Biografia

Nasceu em 10 de maio de 1918, no Rio de Janeiro, filho de Henrique de Beaurepaire Rohan Aragão e Maria Amélia Doria de Aragão. Iniciou o curso superior na Escola Nacional de Agronomia, no Rio de Janeiro, em 1939, onde obteve o título de engenheiro agrônomo em 1942. No ano seguinte foi assistente do Serviço Florestal da Companhia Paulista de Estradas de Ferro e, em 1946, assumiu a chefia do Posto Agrícola da Secretaria de Agricultura da Prefeitura do Distrito Federal. Em 1949 assumiu o cargo de pesquisador da Seção de Ecologia do Instituto de Malariologia, onde realizou pesquisas microclimáticas e sobre bromelecidas e o raio de voo de mosquitos, nos estados do Paraná e Santa Catarina. Em 1956 tornou-se pesquisador do Instituto Nacional de Endemias Rurais (INERu). Entre 1964 e 1968 trabalhou na Universidade de El Salvador como professor e diretor do Departamento de Ciências Biológicas. Em 1970 foi assessor do Instituto de Conservação da Natureza do estado da Guanabara. Em 1975 entrou para o quadro de servidores da Fundação Oswaldo Cruz, lotado no Instituto de Endemias Rurais, nova denominação do INERu, que passou para a estrutura organizacional da instituição após a extinção do Departamento Nacional de Endemias Rurais. De 1976 a 1978 fez parte do Projeto RADAMBRASIL na condição de assessor técnico da Divisão de Uso Potencial da Terra. Ainda na década de 1970 integrou o Conselho de Valorização de Parques do Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal, como representante do Ministério das Minas e Energia (1976), e o Grupo de Trabalho do Conselho Nacional de Saúde responsável pela elaboração do manual “Praguicidas em saúde pública” (1979). No ano de 1980 se transferiu para a Escola Nacional de Saúde Pública, onde atuou no Departamento de Ciências Biológicas até sua aposentadoria compulsória em 1990. Morreu em 1º de outubro de 1999, no Rio de Janeiro.

História arquivística

Procedência

Área de conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Reúne passaportes, carteiras de trabalho, cartas, fotografias, recortes de jornais, certificados, ofícios, memorandos, artigos científicos, contratos de trabalho e relatórios de atividades, entre outros documentos referentes à vida pessoal e a trajetória profissional do titular como professor e pesquisador de instituições científicas.

Avaliação, selecção e eliminação

Ingressos adicionais

Sistema de arranjo

Grupo Vida Pessoal
Grupo Formação e Administração da Carreira
Grupo Docência e Pesquisa

Área de condições de acesso e uso

Condições de acesso

Sem restrição.

Condições de reprodução

Sem restrição.

Idioma do material

  • espanhol
  • inglês
  • português

Forma de escrita do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de pesquisa

Área de fontes relacionadas

Existência e localização de originais

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Fundo Instituto Nacional de Endemias Rurais
Fundo Escola Nacional de Saúde Pública

Área de notas

Notação anterior

Pontos de acesso

Ponto de acesso - assunto

Ponto de acesso - local

Ponto de acesso - nome

Pontos de acesso de género

Área de controle da descrição

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS. NOBRADE: norma brasileira de descrição arquivística. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2006.

Status da descrição

Final

nível de detalhamento

Integral

Datas de criação, revisão, eliminação

Fontes utilizadas na descrição

Zona da incorporação

Assuntos relacionados

Entidades coletivas, pessoas ou famílias relacionadas

Géneros relacionados

Lugares relacionados