Mostrando 29 resultados

descrição arquivística
Sebastião José de Oliveira
Visualização de impressão Ver:

1 resultados com objetos digitais Mostrar resultados com objetos digitais

Cartas

  • BR RJCOC JJ-DP-IC-01.v.1-v.2
  • Dossiê
  • 20/06/1961 - 29/11/2004
  • Parte de José Jurberg

Chainey, J. E.

Cartas

Cassados de Manguinhos

  • BR RJCOC JJ-VP-RS-05
  • Dossiê
  • 11/04/1967 - 1993
  • Parte de José Jurberg

Discursos de homenagens, lista de trabalhos publicados, apontamentos, currículos, fotografias.

Chefe da Divisão de Zoologia do Instituto Oswaldo Cruz

  • BR RJCOC HL-GI-AI-03
  • Dossiê
  • 02/1961 - 30/11/1964
  • Parte de Herman Lent

Requisições; Solicitações; Cartas; Termos de Concessões; Comunicados; Regulamentos; Portarias; Ofícios; Projetos de Lei; Atas; Apontamentos; Recibos de Entrega de Materiais; Discursos de Homenagem Póstuma; Processos Administrativo; Protocolo; Avisos; Etiquetas de Identificação de Insetos.

Chefe do Departamento de Entomologia do Instituto Oswaldo Cruz

  • BR RJCOC JJ-GI-AI-07.v.01-v.10
  • Dossiê
  • 17/01/1991 - 1997
  • Parte de José Jurberg

Memorandos, relatórios de atividades, relatórios de viagens, relatórios técnicos de instalação, relatórios de reunião, relatórios sobre as condições das coleções entomológicas sistemáticas, atos da presidência, listas de equipamentos elétricos, listas de funcionários do departamento de entomologia, lista nominal de todos que entregaram relatórios de atividades, lista de beneficiados com o último suprimentos de fundos, listas de bens de terceiros do departamento de entomologia, listas de materiais de consumo de uso comum, listas de presença, listas de correspondências, listas de aluns do curso de especialização em entomologia, listas de servidores, listas de materiais sem movimentação no almoxarifado central, listas sintéticas de saída de material por requisitante, lista de assinaturas, listas de funcionários e pesquisados pós-graduados, listas de telefones dos setores do departamento, lista dos telenes da fundação Oswaldo Cruz, listas do pessoal técnico-científico de nível superior do departamento, atas de reunião, cartas, recibos de entrega de bilhetes de passagens aéreas, recibos de devolução de equipamentos, recibos de pagamentos, resoluções, declarações, requisições de materiais, notas fiscais, procurações de dados para cadastro e solicitação de passagens, solicitações de empréstimos de material, solicitações de serviços, solicitações de serviços, solicitações de listagens de produtos químicos, solicitação de suprimentos de fundos, comprovantes de pagamentos, comprovantes de transferência bancária, comunicados, convites, programas de eventos, programas de cursos, cartazes, ofícios, catálogos, fichas de bem patrimonial, fichas de cadastro de bolsistas e estagiários, fichas de insetos da coleção Rodolfo Carvalho, propostas para experimentação animal, propostas do departamento de entomologia aos candidatos a diretor do Instituto Oswaldo Cruz, propostas de reformulação da estrutura organizacional das atividades do Instituto Oswaldo Cruz, propostas de fornecedores, roteiros para operacionalização dos dispositivos do ato de presidência, roteiro de atividades, roteiros para avaliação de desempenho, roteiros para relatório anual, prospectos, balanços, termos de responsabilidade, termo de opção, autorizações, apontamentos, portarias, guias de remessa, guias de arrecadação, guias de movimentação de processos, dossiê: benefício-tíquete refeição, instruções para o preenchimento do formulário do programa de importação, instruções para o preenchimento do formulário do programa de importação, instruções de preenchimento do levantamento de necessidade de treinamento-LNT, instruções para autores, instruções normativas, faturas, certificados, cartas abertas, processos administrativos, bilhetes, recortes de jornais, informativos, despachos, exames médicos, dossiê: benefício-vale-transporte, atestados médicos, notas de fornecimento de material, acordos, avisos, diretrizes, formulários de inscrição para bolsa de iniciação científica, formulários de recursos de outras fontes nos laboratórios do Instituto Oswaldo Cruz, projetos de restauração, manutenção, atualização e informatização da coleção entomológica, projetos de pesquisas, anteprojetos, planos de estudos do pós-graduado, planos de metas e objetivos, cautelas, organogramas, regulamentos, plantas baixas, currículos, quadros demonstrativos de programa de importação, quadros demonstrativos do suprimento de fundos-DARF, quadros demonstrativos de diagnósticos do espaço físico e instalações dos departamentos, quadros demonstrativos de prestação de contas, quadros demonstrativos de programação de férias.

Chefe do Laboratório Nacional e Internacional de Referência em Taxonomia de Triatominios

  • BR RJCOC JJ-GI-AI-05.v.1-v.5
  • Dossiê
  • 09/01/1989 - 10/10/2005
  • Parte de José Jurberg

Notas fiscais, solicitações de diárias e passagens, memorandos, programas de vocação científica politécnico da saúde (Fiocruz, cartas, propostas de regimento, proposta de fornecedores, proposta de projetos, atos da presidência, telegramas, relatórios de atividades, relatórios de previsões, orçamentárias, relatório de prestação de contas, relatórios de atividades, relatórios de termosde: responsabilidade, ofícios, tabelas, regimentos internos, guia de remessa, guia de transferência de materiais, mensagem de fax, despachos, faturas, listas de tarefas, lista de materiais, listas de correspondência, lista de estagiário, lista de preços, lista de equipamentos, lista de funcionários, autorizações, edital de licitação, edital de concurso, prospectos, notas explicativas, notas de fornecimento de material, convites, comunicados, declarações, resoluções, processo administrativo, telex, memorando circulares, informativos, cartas circulares, fichas, atas de reunião, avisos, extratos, manuais, formulários de solicitação de apoio a curso de pós-graduação Lato Sensu, formulários de proposta do programa de trabalho de pesquisa, mensagens de email, revistas, planos de ação, solicitações, entrevistas, recibos, cartões, fotografias, atestados de saúde, memoriais, ordens de serviço, certificados, folhetos, cópias contato, negativos flexível.
Referência Curso de Desenvolvimento Profissional em Boas Práticas de Laboratório (Coordenação).

Depoimentos orais do projeto Memória de Manguinhos

Reúne 30 depoimentos que foram coletados com o objetivo de reconstituir a história do Instituto Oswaldo Cruz através da vivência de alguns de seus cientistas, auxiliares e administradores, enfocando questões relativas ao ensino, pesquisa, política institucional e governamental, produção de terapêuticos e o desenvolvimento da ciência. As entrevistas tratam principalmente do período compreendido entre a década de 1930 e o "Massacre de Manguinhos" nos anos 1970. O projeto obteve apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep).

Diretor da Casa de Oswaldo Cruz

  • BR RJCOC GA-GI-PP-01
  • Dossiê
  • 11/08/1985 - 07/1989
  • Parte de Paulo Gadelha

Dossiê: Seminário saúde e constituinte; dossiê comissão organizadora da cerimônia de reintegração dos cassados; dossiê visita do presidente da república portuguesa à fundação Oswaldo Cruz; convites; catálogos; provas tipográficas.

Membro do Conselho Nacional de pesquisas - CNPO

  • BR RJCOC HL-RI-PC-03
  • Dossiê
  • 07/1964 - 17/03/1969
  • Parte de Herman Lent

Recortes de Jornais (Correio da Manhã, Jornal do Brasil, e Estado de São Paulo); Certidões; Cartas; Entrevistas; Apontamentos; Discursos de Agradecimento; Ensaios; Relatório de Atividades.

Memorandos

  • BR RJCOC JJ-DP-IC-10
  • Dossiê
  • 22/05/1990 - 26/07/1996
  • Parte de José Jurberg

Organização Financeira

Certidões, processos, comprovantes de depósito, declarações, recibos, fichas de cadastro, notificações de aposentadoria, notas fiscais, cartas, passagens aéreas, notificações de férias, apontamentos.

Registros sonoros da mesa redonda Massacre de Manguinhos

Depoimentos de sete cientistas de Manguinhos, coletados durante a realização de uma mesa redonda a respeito das vivências e versões de cada um dos entrevistados a respeito do episódio conhecido como "Massacre de Manguinhos". Tal episódio, ocorrido na vigência do regime militar brasileiro na década de 1970, implicou no afastamento e cassação dos direitos políticos destes cientistas do Instituto Oswaldo Cruz (IOC).

Sebastião José de Oliveira

Sumário
1ª Sessão: fita 1
Origem familiar; a influência exercida pelo irmão mais velho e pelo professor Ernani Xavier de Brito; a paixão pela aviação na infância; as raízes africanas presentes na avó materna; os primeiros contatos com Manguinhos; a infância junto aos ferroviários; a vida no subúrbio de Cascadura (RJ).

2ª Sessão: fitas 2 e 3
O bairro em que morava e os seus vizinhos; a amizade com uma família espanhola anarquista e com a comunidade árabe de Cascadura; as festas populares do Rio de Janeiro: o Carnaval, as festas de Santo Antônio, São João e São Pedro e a festa da Penha; a incidência de tuberculose no Rio de Janeiro até meados do século XX; a posição política do pai e sua atuação junto ao sindicato dos ferroviários; as influências culturais traduzidas pelo samba, chorinho e pela seresta.

3ª Sessão: fitas 4 a 8
A vida escolar em Cascadura; a recepção a Getúlio Vargas em Cascadura em 1930; o exame de admissão realizado no Colégio Pedro II e o nível de escolaridade das crianças do subúrbio na década de 30; o desenvolvimento da rede escolar no governo Pedro Ernesto; as tendências fascistas presentes no Estado Novo; o currículo ginasial e a reforma do ensino realizada pelo ministro Francisco Campos nos anos 1930; a influência do curso complementar na escolha profissional; a estratégia para escapar do serviço militar; os movimentos integralista e comunista em Cascadura; o ingresso na Escola Nacional de Veterinária; o contato com professores e futuros colegas de trabalho no IOC; a opção pela entomologia; o perfil profissional e a personalidade de Joaquim Venâncio e de Bertha Lutz; o preconceito racial no IOC; a influência das pesquisas sobre febre amarela e malária no desenvolvimento de estudos sobre mosquitos em Manguinhos; a atuação do IOC na área de saúde pública; a Fundação Rockefeller no Brasil e o estudo sobre malária na América Latina; os colegas da Escola Nacional de Veterinária; a participação em movimentos negros; a divisão político-ideológica do movimento negro nas eleições de 1986; considerações sobre a Segunda Guerra Mundial; o perfil profissional dos professores da Escola Nacional de Veterinária.

4ª Sessão: fitas 9 e 10
O trabalho no Ministério da Agricultura; a formação na área biológica; o perfil profissional de César Pinto e de Lauro Travassos; as expedições científicas do IOC promovidas por Lauro Travassos nas décadas de 1950 e 1960; comentários sobre a metodologia científica desenvolvida no IOC; as influências estrangeiras presentes nas atividades de pesquisas do IOC; as expedições à Fazenda Japuíba em Angra dos Reis (RJ) para coleta de insetos; a influência da Semana de Arte Moderna na ciência brasileira; a amizade com Peter Vigodzinsky; a vida cultural no Rio de Janeiro na década de 40; o trabalho com inseticida na Geigy do Brasil S.A.; observações sobre a administração de Cardoso Fontes; comentários sobe a questão ciência pura versus ciência aplicada.

5ª Sessão: fitas 11 a 13
A desqualificação profissional de alguns pesquisadores do IOC na gestão Henrique Aragão; o perfil de Henrique Aragão; a gestão Olympio da Fonseca; as dificuldades financeiras enfrentadas no IOC durante o Estado Novo; a relação de trabalho entre Lauro Travassos e seus colaboradores no laboratório de helmintologia; a estruturação da Divisão de Zoologia Médica; a Superintendência de Campanhas de Saúde Pública (SUCAM) e o combate à dengue no Rio de Janeiro em 1986; a avaliação do desenvolvimento atual da entomologia no IOC.

6ª Sessão: fitas 14 e 15
O ingresso no IOC; o trabalho de controle da malária com César Pinto em Governador Valadares (MG); os métodos de controle e prevenção da malária existentes na década de 1940; o trabalho de atendimento médico prestado em Governador Valadares; a contratação no IOC durante a gestão Olympio da Fonseca; o desprestígio da administração Olympio da Fonseca junto a alguns pesquisadores; a preocupação de Olympio da Fonseca em desenvolver a área de química no IOC; a desqualificação profissional de Rocha Lagoa.

7ª Sessão: fitas 16 a 18
O impacto da explosão da bomba atômica na comunidade científica e a criação do Conselho Brasileiro de Pesquisas Físicas; a visita de Oppenheimer ao Brasil; o desenvolvimento da tecnologia nuclear e sua utilização pelas Forças Armadas; os riscos das usinas nucleares no Brasil; a inexistência de pesquisas com energia nuclear no IOC; as vantagens do IOC em se manter independente das universidades; a falta de orientação do IOC no sentido de atender às necessidades sanitárias do país; a relação entre o IOC e o Ministério da Saúde; o trabalho atual com quironomídeos-marinhos; avaliação da situação atual da entomologia no Brasil.

Sebastião José de Oliveira

Sumário
Fita 1 - Lado A
O primeiro contato com a Coleção de Dípteros, no Laboratório de Lauro Travassos, chefe da Seção de Zoologia do IOC; referência aos trabalhos realizados por Lauro Travassos, Hugo de Souza Lopes e Ferreira de Almeida em entomologia; a opção de trabalhar com mosquitos; as viagens de coleta de parte do acervo da Coleção Entomológica; relato das primeiras excursões à Fazenda Japuíba, de Lauro Travassos, em Angra dos Reis; breve comentário sobre as habilidades de Francisco José Rodrigues Gomes, o Chico Trombone, auxiliar no IOC; os primeiros mosquitos coletados; o início das coleções da entomologia; comparação entre os procedimentos dos atuais coletores de insetos e dos pioneiros do IOC; o caráter multidisciplinar da organização das excursões para coleta realizadas por Lauro Travassos; o momento da consolidação da Coleção Entomológica do IOC e a atuação de Herman Lent; as coleções dos laboratórios do IOC; as coleções da Fiocruz nos dias atuais; considerações acerca da coleção de Adolpho Lutz; a diferença entre coleções fechadas e coleções gerais; alguns exemplos de coleções que tiveram continuidade mesmo após o falecimento do precursor; considerações acerca da interferência das aposentadorias compulsórias, na década de 1970, durante o processo de organização da Coleção Entomológica; os problemas enfrentados por José Jurberg, pesquisador do IOC, para assegurar a conservação da Coleção Entomológica; a transferência da coleção para o Hospital Evandro Chagas (HEC); comentários sobre a falta de incentivo às coleções científicas; referência à formação e atuação de Leonidas Deane.

Fita 1 - Lado B
Considerações acerca da posição de Leonidas Deane diante da Coleção Entomológica; as tentativas de doação das coleções para outras instituições e a resistência de José Jurberg; as dificuldades enfrentadas atualmente para a manutenção e a classificação da Coleção Entomológica; a necessidade de pessoal para trabalhar na organização da coleção; considerações acerca do perfil dos contratados para tal função; o perfil profissional de Wanda Cunha; a importância de um inventário do material da coleção; a aquisição de novos espécimes para a coleção; o perfil dos antigos coletores de espécimes do IOC; a falta de infra-estrutura para incorporação de novos espécimes; considerações sobre as últimas coleções adquiridas; referência à Coleção Zikán, incorporada à Coleção Geral; considerações sobre o entomologista Carlos Alberto Seabra; breve referência ao entusiasmo de Moacyr Alvarenga, coronel da Força Aérea Brasileira (FAB), para a coleta de besouros; os espécimes de moscas cedidos por Moacyr Alvarenga a Hugo de Souza Lopes; considerações acerca da coleção de Aldo Ferreira de Almeida adquirida pelo Museu Nacional e sua trajetória; referência à Coleção de Mosquitos da Fundação Rockefeller; considerações sobre o método utilizado pela Fundação Rockefeller na coleta e organização dos espécimes; comentário sobre o perfil de Lélio Gomes, coletor de espécimes da Fundação Rockefeller incorporado ao IOC; comentários sobre o destino da Coleção de Mosquitos da Fundação Rockefeller, sob a guarda do Centro de Pesquisas René Rachou.

Fita 2 - Lado A
Comentários acerca da Coleção de Flebótomos, sob curadoria de Olga Falcão no CPqRR; novas considerações acerca da coleção de mosquitos da Fundação Rockefeller; referências ao aprendizado com John Lane e Nelson Cerqueira e seus trabalhos desenvolvidos junto à Fundação Rockefeller; considerações acerca da Coleção de Mosquitos da Faculdade de Higiene e Saúde Pública de São Paulo; a proibição do envio de espécimes, sem autorização, para outros países; a situação atual das Coleções Científicas da Fiocruz.