Mostrando 1540 resultados

descrição arquivística
Presidência
Visualização de impressão Ver:

1 resultados com objetos digitais Mostrar resultados com objetos digitais

Presidência

  • BR RJCOC 01
  • Fundo
  • 1946-2018

Documentos textuais: reúne cartas, ofícios, memorandos, telegramas, relatórios, atas de reuniões, atos da Presidência, resoluções, portarias, comunicados, designações, currículos, recortes de jornais, balancetes, projetos, ordens de serviço e organogramas, entre outros documentos relativos às atividades de planejamento e gestão superior da Fiocruz e à sua estrutura organizacional, aos processos eleitorais, ao Congresso Interno, à administração do campus, às atividades comerciais nacionais e internacionais, à gestão econômica, financeira, contábil e dos bens imóveis, ao gerenciamento de recursos humanos e das atividades administrativas que viabilizam a pesquisa, o ensino, a produção e os serviços desenvolvidos pelas unidades técnico-científicas da Fiocruz.
Documentos iconográficos: reúne fotografias que retratam aspectos das fachadas do Pavilhão Mourisco, do Centro de Pesquisa Gonçalo Muniz e de algumas construções do campus de Manguinhos, alunos do Curso de Aplicação do IOC, instalações de Farmanguinhos, campanha sanitária com resinato de cobre – pó e pasta – no combate à esquistossomose no Espírito Santo e aspectos da Ilha do Pinheiro, na baía de Guanabara.
Documentos cartográficos: reúne plantas arquitetônicas de projetos de engenharia e arquitetura, bem como propostas técnicas para a coordenação e execução de obras de construção e reformas no campus de Manguinhos.
Documentos sonoros: reúne gravações de debates com candidatos à Presidência da Fiocruz; transmissão de cargo e posse da diretoria do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde; de posse e reuniões do Conselho Técnico-Científico da Fiocruz; do I Congresso Interno e de eventos diversos organizados pela instituição, como comemorações, homenagens, mostras, palestras e campanhas de vacinação.
Documentos tridimensionais: reúne placa comemorativa da visita do presidente Ernesto Geisel à Fiocruz em 14 de junho de 1976.

Presidência da Fundação Oswaldo Cruz

Prefeitura do Campus

  • BR RJCOC 01-30-05
  • Subseção
  • 1946-1996
  • Parte de Presidência

Esta Subseção contém séries documentais constituídas por documentos cartográficos, plantas que se enquadram nas seguintes tipologias:
Plantas de Arquitetura – Esta categoria engloba todo tipo de desenho em que se representam aspectos arquitetônicos e construtivos da edificação. Pode conter:
Plantas de Levantamento – Compreendem a rigorosa e detalhada representação gráfica das características físicas e geométricas da edificação, do terreno e dos demais elementos físicos presentes na área a ser levantada.
Plantas de Situação – Representam a implantação da edificação e seu terreno na malha urbana, indicando vias de acesso, orientação, edifícios próximos e pontos de referência topográfica, entre outros aspectos.
Plantas Baixas – Representam, no plano horizontal, a compartimentação interna da edificação, em escala de 1:50 ou, excepcionalmente, 1:100.
Fachadas – São a representação de todos os planos verticais externos da edificação, em escala de 1:50 ou, excepcionalmente, 1:100.
Cortes – Representam a edificação em planos verticais – transversais e longitudinais – em quantidade necessária para fornecer o maior número possível de informações a respeito da intervenção.
Plantas de Cobertura – Representam a forma e o sistema construtivo dos elementos que cobrem a edificação, como telhados e lajes.

Pavilhão de Biologia

  • BR RJCOC 01-30-05-10
  • Série
  • 1947 - 1991
  • Parte de Presidência

Conjunto constituído por plantas referentes aos projetos de arquitetura, estrutura e instalação, produzidas para a construção e/ou reforma/restauração do Pavilhão de Biologia.
A edificação foi projetada pelo arquiteto J. O. Bonnard, da Divisão de Obras, do Ministério da Educação e Saúde, e inaugurada em 1947, durante a gestão de Henrique Aragão na direção do Instituto Oswaldo Cruz.

Biotério para Vitelos

  • BR RJCOC 01-30-05-25
  • Série
  • 1947 - 1948
  • Parte de Presidência

Conjunto constituído por plantas referentes aos projetos de arquitetura, estrutura e instalação, produzidas para a construção e/ou reforma/restauração do Biotério para Vitelos.
Não foi possível identificar maiores informações sobre o projeto ou construção.

Biotério de Aves

  • BR RJCOC 01-30-05-21
  • Série
  • 1947 - 1975
  • Parte de Presidência

Conjunto constituído por plantas referentes aos projetos de arquitetura e instalação, produzidas para a construção e/ou reforma/restauração do Biotério de Aves.
Projeto elaborado pelo arquiteto Armando Mesquita, da Divisão de Obras do Ministério da Educação e Saúde, a edificação localizava-se ao lado do prédio conhecido atualmente como Pombal.

Arquitetura

  • BR RJCOC 01-30-05-21-01
  • Dossiê
  • 1947 - 1975
  • Parte de Presidência

Armando Mesquita; C. A. Teixeira Soares; L. Mota

Canis e Gaiola de Macacos

  • BR RJCOC 01-30-05-02
  • Série
  • 1947 - 1948
  • Parte de Presidência

Conjunto constituído por plantas referentes aos projetos de arquitetura e instalação,
produzidas para a construção e/ou reforma/restauração dos Canis e Gaiola de Macacos.

A edificação foi projetada entre março de 1947 a junho de 1948, por Ernani Sampaio, da Divisão de Obras, do Ministério da Educação e Saúde.

Arquitetura

  • BR RJCOC 01-30-05-02-01
  • Dossiê
  • 1947 - 1948
  • Parte de Presidência

Ernani Sampaio; Campello, A. J.

Estrutura

  • BR RJCOC 01-30-05-10-02
  • Dossiê
  • 1947 - 1991
  • Parte de Presidência

Gustavo de Vieira Delanto; Hélio M. Fontes; Ana Lucia Alvahydo; Tatiana Milhomem; Edil de Oliveira

Estrutura

  • BR RJCOC 01-30-05-25-02
  • Dossiê
  • 1947 - 1948
  • Parte de Presidência

Maria Rosa de Moura; Idelso M. Fontes; Ernani Sampaio

Cocheira Antiga

  • BR RJCOC 01-30-05-40
  • Série
  • 1948 - 1976
  • Parte de Presidência

Conjunto constituído por plantas referentes aos projetos de arquitetura e instalação, produzidas para a construção e/ou reforma/restauração da Cocheira Antiga.
Esta Série se constitui de projetos de detalhamento de arquitetura e de instalação para adaptação de uso para oficinas do antigo edifício projetado e construído por Luiz Moraes Jr. em 1909 para abrigar o Biotério para isolamento de grandes animais. Tal prédio foi destruído na década de 1980, porém um trabalho de escavação arqueológica em 2010 revelou as fundações originais do pavilhão, localizado ao lado da atual sede do Museu da Vida.

Arquitetura

  • BR RJCOC 01-30-05-40-01
  • Dossiê
  • 1948 - 1976
  • Parte de Presidência

Pavilhão Leônidas Deane

  • BR RJCOC 01-30-05-51
  • Série
  • 1948 - 1986
  • Parte de Presidência

Conjunto constituído por plantas referentes aos projetos de arquitetura, estrutura e instalação, produzidas para a construção e/ou reforma/restauração do Pavilhão Leônidas Deane.
A edificação foi projetada em 1956 para substituir as instalações originais do antigo Hospital Oswaldo Cruz, mas passou muitos anos em obras e foi de fato inaugurada apenas na década de 2000, com o nome de Leônidas Deane, embora seja conhecida também como Edifício 26. Entre 1956 e 1980 recebeu o nome de Hospital Evandro Chagas.

Arquitetura

  • BR RJCOC 01-30-05-10-01
  • Dossiê
  • 1948 - 1988
  • Parte de Presidência

Estrutura

  • BR RJCOC 01-30-05-16-02
  • Dossiê
  • 1948 - 1996
  • Parte de Presidência

André Luiz; Joaquim R. L. Farias; Augusto Lago; Aloysio Moraes; Edil de Oliveira; Joaquim Reis; Isabela L. Oliveira; César Gonçalves Filho

Instalação

  • BR RJCOC 01-30-05-17-03
  • Dossiê
  • 1948 - 1951
  • Parte de Presidência

Sérgio Faria; Ernani Sampaio

Instalação

  • BR RJCOC 01-30-05-51-03
  • Dossiê
  • 1948 - 1984
  • Parte de Presidência

Eliane de Sellos Rocha; César Gonçalves Filho; Paulo Cirrot; Icoplan - Internacional de Consultoria e Planejamento S.A.

Pavilhão Carlos Augusto da Silva

  • BR RJCOC 01-30-05-17
  • Série
  • 1948 - 1970
  • Parte de Presidência

Conjunto constituído por plantas referentes aos projetos de arquitetura, estrutura e instalação, produzidas para a construção e/ou reforma/restauração do pavilhão Carlos Augusto da Silva.
A edificação foi projetada pelo arquiteto Jorge Ferreira e premiado na categoria Menção pelo júri da I Bienal de Arquitetura de São Paulo, em 1951. Foi tombada pelo Instituto Estadual do Patrimônio Cultural do Estado do Rio de Janeiro (Inepac) por suas qualidades arquitetônicas e representativas do Movimento Moderno Carioca, fazendo parte do conjunto modernista do Núcleo Arquitetônico Histórico de Manguinhos (NAHM). Também é conhecida como Refeitório Central

Arquitetura

  • BR RJCOC 01-30-05-51-01
  • Dossiê
  • 1948 - 1986
  • Parte de Presidência

D. Aguiar da Costa; César Lourenço; Semir Hurigil; Eliane de Sellos Rocha; Maria Rosa de Moura; Brivaldo S. Correia; Jorge Souza Araújo; José Mauro Hid; Ana Maria Bastos; Ana Cristina Bonates Marques; Maria Haidinger; Gabriela C. de Oliveira; Dagmar D. Costa; César Gonçalves Filho; Waldir Ramos

Pavilhão Carlos Chagas

  • BR RJCOC 01-30-05-16
  • Série
  • 1948 - 1996
  • Parte de Presidência

Conjunto constituído por plantas referentes aos projetos de arquitetura, estrutura e instalação, produzidas para a construção e/ou reforma/restauração do Pavilhão Carlos Chagas.
A edificação foi projetada em 1944 pela arquiteta Olenka Freire Greve, da Divisão de Obras, do Ministério da Educação e Saúde, e teve participação ativa do diretor do Instituto Oswaldo Cruz à época, dr. Henrique Aragão, que gostava de acompanhar o andamento das construções no campus de Manguinhos. Foi construída a partir de 1946 e inaugurada em 1951. Apresenta arquitetura funcional e sem arroubos estéticos, seguindo a moderna tipologia dos hospitais monoblocos verticais. Também é conhecida como Pavilhão da Patologia.

Arquitetura

  • BR RJCOC 01-30-05-17-01
  • Dossiê
  • 1948 - 1970
  • Parte de Presidência

Setor de Multimeios da Fiocruz

  • BR RJCOC 01-30-05-03
  • Série
  • 1949 - 1950
  • Parte de Presidência

Conjunto constituído por plantas referentes aos projetos de arquitetura, estrutura e instalação, produzidas para a construção e/ou reforma/restauração do Setor de Multimeios da Fiocruz.

A edificação foi construída na década de 1950 para abrigar a lavanderia (ou lavandaria) do Hospital Evandro Chagas, parte do Instituto Oswaldo Cruz. Foi conhecida como IOC – Lavanderia.

Estrutura

  • BR RJCOC 01-30-05-03-02
  • Dossiê
  • 1949 - 1950
  • Parte de Presidência

Hélio M. Fontes; Joaquim Almeida; César Gonçalves Filho

Arquitetura

  • BR RJCOC 01-30-05-07-01
  • Dossiê
  • 1950 - 1966
  • Parte de Presidência

Estrutura

  • BR RJCOC 01-30-05-07-02
  • Dossiê
  • 1950 - 1960
  • Parte de Presidência

Resultados 1 a 30 de 1540