Mostrando 27 resultados

descrição arquivística
Oswaldo Cruz Paris (França)
Visualização de impressão Ver:

Anotações de Aula

  • BR RJCOC OC-PI-TP-07
  • Dossiê
  • 19/06/1897
  • Parte de Oswaldo Cruz

Caderno de anotações dos cursos de medicina legal, teórica e prática, higiene e vias urinárias, utilizado por Oswaldo Cruz durante o período em que frequentou o Instituto Pasteur de Paris e o Laboratório de Toxicologia.

Boulevard Saint Michel. Catálogo.

  • BR RJCOC OC-PI-TP-10
  • Dossiê
  • 14/04/1897
  • Parte de Oswaldo Cruz

Lista de materiais de laboratório elaborada por Oswaldo Cruz e enviada a Moncorvo Filho no Gabinete de Microbiologia e de Anatomia Patológica. Em anexo catálogo, em francês, de vidraria para laboratório.

Caderno de Anotações

  • BR RJCOC OC-PI-TP-12
  • Dossiê
  • 29/06/1898
  • Parte de Oswaldo Cruz

Anotações a respeito de experiências com cobaias, utilizando rícino, durante o período que Oswaldo Cruz frequentou o Instituto Pasteur de Paris e o Laboratório de Toxicologia.

Caderno de Anotações de Aula (Conferências)

Anotações de conferências sobre medicina legal realizadas durante o período em que Oswaldo Cruz frequentou o Instituto Pasteur de Paris. Contem listagem dos trabalhos publicados pelo mesmo durante a realização destes estudos.

Caderno de Aula

  • BR RJCOC OC-PI-TP-14
  • Dossiê
  • 08/03/1898
  • Parte de Oswaldo Cruz

Caderno utilizado pelo titular durante curso no Instituto Pasteur. O caderno contem anotações sobre aparelho urinário e infecções urinárias.

Caderno de Toxicologia

  • BR RJCOC OC-PI-TP-16
  • Dossiê
  • 20/04/1898
  • Parte de Oswaldo Cruz

Protocolo de experiências. Em anexo, uma folha avulsa contendo cálculos.

Chimica Legal

Caderno de aula do titular com anotações sobre manchas, cabelos e pelos, fibras têxteis, armas de fogo, projéteis e matérias explosivas, manchas que podem se confundir com sangue. No caderno há ainda anotações acerca da asfixia por gazes, vapores e anestésicos. Em anexo, duas folhas manuscritas com pequenas anotações e uma folha do suplemento de 6 de abril de 1898 de "La Semaine Médicale".

Correspondência Científica

  • BR RJCOC OC-COR-CI
  • Subsérie
  • 1891 - 1916
  • Parte de Oswaldo Cruz

Está subdividida em 17 dossiês por missivistas. Correspondência trocada com Vital Brazil, onde descreve o início dos trabalhos em Manguinhos, as pesquisas sobre novos métodos de fabricação de soros, além do vasto conjunto epistolar trocado com Henrique da Rocha Lima, onde o titular vai noticiando as pesquisas realizadas em Manguinhos ao mesmo tempo em que estabelece as bases do intercâmbio entre esta instituição e as principais agências de pesquisa biomédica da Alemanha.

Correspondência com a Empresa Albanel

  • BR RJCOC OC-COR-CI-12
  • Dossiê
  • 17/09/1901-13/01/1903
  • Parte de Oswaldo Cruz

Sobre a assinatura de livros e periódicos médicos e científicos internacionais para abastecer e atualizar a Biblioteca de Manguinhos.

Correspondência com Charles Vibert, chefe do Laboratório de Toxicologia de Paris

  • BR RJCOC OC-COR-CI-08
  • Dossiê
  • 28/01/1900-09/08/1903
  • Parte de Oswaldo Cruz

Informando que esteve comissionado em Santos para o combate à peste bubônica e que já está trabalhando no Instituto Soroterápico Federal; recebendo de seu missivista um exemplar do periódico francês "Précis de Toxicologie", com seu artigo publicado consagrado ao envenenamento com rícino; agradecendo o apoio moral e científico que o cientista francês prestou aos demais cientistas que formaram a Missão Pasteur.

Correspondência com diversos cientistas estrangeiros, em francês, inglês, alemão e português

  • BR RJCOC OC-COR-CI-06
  • Dossiê
  • 12/12/1899-11/1916
  • Parte de Oswaldo Cruz

Contendo pedidos de envio de trabalhos do titular, convocando-o a tomar parte em movimento visando lutar no parlamento americano para provar a eficácia da teoria culicidiana de combate à febre amarela, convidando-o a ser correspondente no Brasil da Société Universelle de la Croix-Blanche de Genéve, convidando cientistas como Stanislas von Prowasek e Hermann Duerck a colaborar com os pesquisadores de Manguinhos, além de registrar um importante intercâmbio científico a respeito de novas descobertas sobre a varíola, a malária e a peste bubônica. Entre os principais missivistas encontram-se N. Bocarius, Stanilas Ciecharnowski, St. Paul Society of Homeopathic Medicine and Surgery, J. Mosny, O. Pertik, R. von Iehring, Ronald Ross e Howard.

Correspondência com Vital Brazil

  • BR RJCOC OC-COR-CI-05
  • Dossiê
  • 20/11/1899-21/09/1914
  • Parte de Oswaldo Cruz

Vital Brazil, fundador do Instituto Butantan em São Paulo. Através deste conjunto verificamos o início das pesquisas para a obtenção do soro e da vacina antipestosos nos recém-fundados institutos soroterápicos de Manguinhos e Butantan, cujas trajetórias são, neste momento, bastante parecidas; ambos foram criados durante a mesma crise sanitária e localizados em fazendas fora da área urbana, para evitar contaminação em caso de acidente. Vemos como os dois cientistas foram obrigados a refrear seus ânimos diante da burocracia do Estado, e encontramos neste conjunto o início da discussão a respeito dos diversos processos de preparação do soro antipestoso conhecido então. Através de experiências feitas por Vital Brazil no Butantan, torna-se claro o avanço representado pela produção do produto em Manguinhos, mas cuja dosagem foi estabelecida com mais segurança, o que diminuiu a incidência de acidentes. Esta correspondência registra também o progresso das pesquisas sobre o soro antiofídico realizadas no Instituto Butantan. As datas concentram-se entre 1899 e 1901, mas existe um cartão de 1914 onde o titular envia saudações ao amigo através de seu filho mais velho, Bento.

Correspondência Diversa com Familiares e Amigos

  • BR RJCOC OC-COR-PES-02
  • Dossiê
  • 05/04/1891 - 05/02/1917
  • Parte de Oswaldo Cruz

Cartas e bilhetes enviados ao sogro, o comendador Manuel da Fonseca, aos cinco filhos, aos cunhados Ezequiel Dias e Miuça, ao amigo Egydio Salles Guerra e a João Batista da Costa, referentes principalmente aos seus períodos de viagem à Europa. Merece destaque o documento mais antigo em que seu pai, Bento Gonçalves Cruz, escreve ao comendador Fonseca pedindo a benção para a união de seus filhos Oswaldo e Emília.

Correspondência em francês com Jules Ogier

  • BR RJCOC OC-COR-CI-03
  • Dossiê
  • 19/10/1899-15/05/1900
  • Parte de Oswaldo Cruz

Jules Ogier, diretor do Laboratório de Toxicologia de Paris, onde este informa sobre as últimas novidades a respeito do Caso Dreyfuss e a Guerra Anglo-Transvaaliana, além de demonstrar sua preocupação com o titular ao saber que este iria a Santos combater o surto de peste bubônica, relatando seu trabalho como chefe do serviço fotográfico da Prefeitura de Paris. Em resposta, recebe do titular relatos sobre a grande Exposição Comemorativa dos 400 anos do Descobrimento, acrescido de notícias sobre o surto de peste bubônica e casos de febre amarela.

Curso de Microbia Technica do Instituto Pasteur (Caderno n. 1)

  • BR RJCOC OC-PI-TP-28
  • Dossiê
  • 05/12/1898
  • Parte de Oswaldo Cruz

Caderno de anotações de Oswaldo Cruz sobre o curso de técnica microbiológica do Instituto Pasteur de Paris, ministrado pelos professores Émile Roux, Boriel e Metchnikoff. Nas últimas páginas o titular faz um índice das lições, uma lista de culturas, uma lista do material fornecido aos alunos durante o curso e alguns desenhos que retratam a sala onde eram ministrados os cursos bem como os equipamentos utilizados. Em anexo, livreto impresso intitulado "Renseignements sur le service de vaccins de l'Institute Pasteur".

Curso de Microbia Technica do Instituto Pasteur (Caderno n. 2)

  • BR RJCOC OC-PI-TP-29
  • Dossiê
  • 31/12/1898
  • Parte de Oswaldo Cruz

Anotações de aula. Nas páginas finais Oswaldo Cruz fez um índice de assuntos abordados no curso, tais como tuberculose, cólera e peste bubônica. Anexos folha impressa contendo instruções para o emprego da tuberculina seguindo indicações do professor Nocard d'Alfort; folha impressa contendo instruções para o emprego da maleína; folha impressa contendo instruções para o emprego do soro antidiftérico; folha impressa contendo instruções para o emprego do soro antitetânico, um panfleto em alemão; folha impressa contendo instruções para o emprego do soro antipestoso; quatro folhas impressas com figuras desenhadas pelo titular.

Documentos relativos à Vida Profissional do Titular

  • BR RJCOC OC-DP-01
  • Dossiê
  • 18/11/1889 - 12/1915
  • Parte de Oswaldo Cruz

Lista geral dos estudantes matriculados na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1889; nomeação para a Santa Casa de Misericórdia; nomeação e exoneração da Diretoria Geral de Saúde Pública; nomeação para o cargo de auxiliar do Instituto Nacional de Higiene; convite oficial enviado pelo prefeito do Distrito Federal, Furquim Wernack, ao titular para compor o Conselho Municipal de Higiene e Assistência Pública; artigo sobre a carreira do titular publicado na revista Chanteclair; ofício enviado ao titular pela direção do Montepio da Fábrica de Fiação e Tecidos Corcovado aprovando a indicação de um substituto por ocasião de sua viagem de estudos à Europa.

Étude Toxicologique de la Ricine

  • BR RJCOC OC-PI-TP-40
  • Dossiê
  • 10/1898
  • Parte de Oswaldo Cruz

Trabalho em francês produzido pelo titular no Laboratório de Toxicologia de Paris. Publicado em "Annales d'Hygiène Publique et de Médicine Légale". Em anexo duas folhas manuscritas contendo rascunhos deste trabalho.

Études sur la Recherche de L'empoisonnement par le Gaz D'éclairege

Originais manuscritos do trabalho onde realizou estudos investigativos sobre o envenenamento pelo gás de iluminação. Este trabalho foi produzido quando o titular estava no Laboratório de Toxicologia de Paris. Publicado em "Annales d'Hygiène Publique et de Médecine Légale", v.39, n.5, p. 385-394 (3ª Série).

Exposição Internacional de Demografia de Dresden

  • BR RJCOC OC-COR-PES-07
  • Dossiê
  • 21/01 - 11/08/1911
  • Parte de Oswaldo Cruz

Cartas e bilhetes enviados à esposa e filhos referentes, principalmente, ao período em que o titular esteve em várias cidades européias por conta da Exposição Internacional de Demografia e Higiene de Dresden.

[Ilustrações Científicas]

Desenhos comentados acerca da estrutura de diversos órgãos do corpo humano.

La fièvre jaune

Texto no qual os autores discutem sobre os resultados obtidos pela missão científica enviada ao Rio de Janeiro pelo governo francês, sob a direção do Instituto Pasteur, para estudar a doença.

Les altérations histologiques dans l'empoisonnement par la ricine. Archives Médicine Experimentale Anatomie Pathologique, Paris.

Texto original realizado no Laboratório de Toxicologia de Paris, no qual considera as alterações histológicas no envenenamento pelo rícino. Posteriormente, ao concorrer a uma vaga na Academia Nacional de Medicina, o titular enviou este trabalho para apreciação da referida academia. A apreciação ocorreu na sessão de 13 de abril de 1899, obtendo parecer favorável na sessão de 22 de junho de 1899.

Pessoal

  • BR RJCOC OC-COR-PES
  • Subsérie
  • 1889-1922
  • Parte de Oswaldo Cruz

Cartas enviadas pelo titular à sua esposa, Emília Fonseca, como também aos filhos e entre estes personagens.