Visualização de impressão Fechar

Mostrando 1128 resultados

descrição arquivística
Brasília (DF)
Visualização de impressão Ver:

2 resultados com objetos digitais Mostrar resultados com objetos digitais

Saúde Coletiva, Medicina Preventiva e Saúde Pública- História e Memória

O Projeto intitulado Saúde Coletiva, Medicina Preventiva e Saúde Pública- História e Memória, apresenta como um de seus produtos um conjunto de entrevistas gravadas com 28 personagens que participaram ou, mesmo, lideraram a construção dessas três áreas no Brasil. Este conjunto compõe dois subprojetos, que envolvem os três temas e alguns tópicos de seus processos de institucionalização no país. Um conjunto de entrevistas aborda os temas sob a ótica de entrevistados da Universidade Federal da Bahia, sob a titulação “A Saúde Coletiva na Universidade Brasileira: o Instituto de Saúde Coletiva da UFBA, desde suas origens no Departamento de Medicina Preventiva da UFBA”. O outro conjunto reúne entrevistas de representantes de várias instituições de pesquisa e ensino em Saúde que atuam com o foco nas três áreas compondo o subprojeto “História da Saúde Coletiva no Brasil”.
Coordenação: Tania Maria Dias Fernandes (DEPES/ COC/Fiocruz)
Pesquisadores: Ediná Alves Costa e Ana Cristina Souto (ISC/UFBA)/ Subprojeto “A Saúde Coletiva na Universidade Brasileira: o Instituto de Saúde Coletiva da UFBA, desde suas origens no Departamento de Medicina Preventiva da UFBA”
Auxiliares de Pesquisa/ Bolsistas: André Luiz da Silva Lima; Eliene Rodrigues; Otto dos Santos de Azevedo; Joel Nolasco; Vanêssa Alves Pinheiro. Os depoentes são: Aníbal Muniz Silvany Neto; Everardo Duarte Nunes; Fernando Martins Carvalho; Francisco Eduardo Campos; Gastão Wagner de Souza Campos; Glaucia Maria de Luna Ieno; Heloisa Maria Mendonça de Morais; Ines Lessa; José Carvalho de Noronha; José da Rocha Carvalheiro; José Jackson Coelho Sampaio; José Wellington Gomes de Araújo; Kenneth Rochel de Camargo Jr; Lorene Louise Silva Pinto; Luiz Umberto Ferraz Pinheiro; Maria Andrea Loyola; Naomar de Almeida Filho; Paulo Ernani Gadelha Vieira; Paulo Marchiori Buss; Pedro Miguel dos Santos Neto; Rita de Cássia Barradas; Roberto de Andrade Medronho; Romélio Aquino; Ronaldo Ribeiro Jacobina; Sebastiao Loureiro; Sonia Fleury; Tatiana Wargas de Faria Baptista e Vera Lucia Almeida Formigli.

Dossiê Haity Moussatché

  • BR RJCOC HL-VP-MA-16
  • Dossiê
  • 1971 - 1999
  • Parte de Herman Lent

Processos; Recortes De Jornal; Noticiários; Revistas; Entrevistas; Mensagens Por e-mail; Informativos; Ofícios; Prospectos; Currículos; Discursos De Homenagem E Portarias; Vídeos.

Campanha de Erradicação da Varíola

Reúne artigos, relatórios, publicações, formulários, informativos, balanços de projetos, gráficos, resumos, planos de ação, programas, estudos de caso, manuais, projetos, recortes de jornais, tabelas, convênios, anais, listas bibliográficas, mapas, atos normativos, apontamentos, mensagens, prospectos, cartas, textos, memorandos, programas de eventos, agendas, instruções, cadastros de profissionais, jornais, apostilas de cursos, fichas de avaliação de pacientes, listas de diapositivos, normas técnicas, organogramas, propostas, questionários e recibos.

Professor Emérito da Universidade Federal do Rio de Janeiro

Atas de reuniões, discursos, cartas, cartões, livros de homenagens, processos, moções, ofícios, telegramas, informativos, convites, listas de participantes, requerimentos, fotografias, pronunciamentos, recortes de jornais, artigos científicos, prefácios, folhetos, cardápios, comunicações, jornais, programas de eventos, revistas, textos, mensagens, cartas-circulares, roteiros de livros, cartazes, conferências, livros, bilhetes, mensagens por fax, diplomas, resoluções, decretos, memorandos, adesivos, filmes, mensagens por e-mail, projetos, necrológios, certificados, fichas de inscrições, históricos e poesias.

Reitor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ)

Reúne estatutos, atas de reuniões, recortes de jornais, publicações, memorandos, informativos, relatórios, apontamentos, programas de eventos, discursos, propostas, quadros financeiros, tabelas, projetos, revistas, roteiros, certificados, ofícios, relatórios de prestação de contas, cartas, programas, projetos de leis complementares, manuais, informes, exposições de motivos, anais, deliberações, atos executivos, bilhetes, mensagens por fax, panfletos, jornais, prospectos, roteiros de viagem, pautas de reunião, circulares, orçamentos, cartazes, portarias, planos de ações, despachos, petições, mandados de citação, editais, ofícios-circulares, extratos, planos de trabalhos, listas de equipamentos, projetos de leis, guias, listas de alterações estatutárias, listas de cargos comissionados, decisões, comunicações, fotografias e placas de homenagens.

Presidente do Instituto Nacional de Assistência Médica e Previdência Social (INAMPS)

Reúne relatórios, planos de trabalho, comunicações, mensagens, propostas, anteprojetos de leis, pareceres, processos administrativos, projetos, gráficos, programas de eventos, cartas, recortes de jornais, discursos, tabelas, telegramas, prospectos, avisos de registros de preços, transparências, listas de equipamentos, listas de endereços, tabelas, projetos de leis, resoluções, cadernos de apontamentos, folhetos, fotografias e placas de homenagens.

Euclides Ayres Castilho

Entrevista realizada por Dilene Raimundo do Nascimento e Marcos Roma Santa, em Brasília (DF), no dia 06 de novembro de 1996.
Sumário
Fita 1 – Lado A
Sua formação em medicina preventiva; o trabalho como professor da USP; as funções desempenhadas na Fundação Oswaldo Cruz; a origem de seu interesse profissional pela Aids; o ingresso na Comissão Nacional de Aids, em 1987; a presidência do Comitê Diretivo de Pesquisa do Programa nacional de Aids e do Comitê de Vacinas do Programa Nacional de Aids, ambos em 1993; dificuldades em ajustar o trabalho acadêmico às demandas da área do serviço. Considerações sobre os aspectos técnicos, políticos e institucionais que envolvem o enfrentamento da Aids no Brasil; o processo de incorporação da Aids como uma questão pública, as primeiras iniciativas da comunidade científica, o surgimento das Ongs/Aids. Critica a supervalorização da questão da Aids, diante de outras questões graves de saúde pública no Brasil. Os aspectos burocráticos e administrativos que limitam a implantação e a execução das políticas públicas de combate à epidemia no país; as iniciativas do Programa para assessorar os estados e municípios na captação e administração dos recursos destinados à implantação dos programas regionais de combate à doença. Considerações sobre a imagem que a sociedade tem da Aids. Ressalta seu esforço pessoal em não deixar que seus valores morais interfiram na execução de seu trabalho. As implicações e o inquestionável valor científico do uso da categoria “grupo de risco” na epidemiologia. A redução das atitudes discriminatórias da comunidade médica, principalmente entre os que atuam cotidianamente na área clínica.

Fita 1 – Lado B
Sua relação pessoal com a ameaça da Aids. Considerações sobre as complexas redes de relações sociais que possibilitaram a disseminação da doença no mundo; o crescimento no índice de contaminação através de relações penivaginais. Ressalta o equívoco cometido por alguns colegas ao afirmarem não haver risco de contaminação da mulher para o homem. O medo da contaminação. Aspectos morais que permeiam as considerações técnico-científicas do discurso médico no processo de elaboração das campanhas de prevenção à Aids; destaca toda a complexidade que envolve a produção e a veiculação das campanhas. A polêmica em torno da proposta de “redução de danos” aplicada entre os usuários de drogas injetáveis. Considerações pessoais sobre a relação entre pesquisadores e pacientes; comentários a respeito dos livros de Hervé Guibert, “Ao amigo que não me salvou a vida”, onde o autor expõe sua mágoa diante da postura fria dos pesquisadores diante do drama dos doentes de Aids. Ressalta os aspectos clínicos no uso dos medicamentos anti-Aids e o seu efeito, pelo menos momentâneo, na garantia de uma maior qualidade de vida dos doentes; o impacto do coquetel anti-Aids na sociedade brasileira e as distorções em seu entendimento; a contribuição das atividades comunitárias desenvolvidas pelas ONG's Aids e a preocupação com a pauperização da epidemia no país.

Fita 2 – Lado A
Avaliação positiva da parceria institucional entre o governo e as ONG's-Aids. Considerações sobre uma possível lentidão nas respostas governamentais de combate ao avanço da epidemia; restrições do conhecimento científico sobre o vírus e o pessimismo diante da possibilidade de uma vacina eficaz a curto prazo; os resultados promissores das pesquisas nas áreas clínicas e farmacológicas. O aumento da incidência de Aids entre as mulheres. Comentários sobre o trabalho e o caráter de Lair Guerra, coordenadora do PNDST/AIDS. Sua opinião pessoal sobre a vida em tempos de Aids.

Eventos Diversos

Reúne cartões, recortes de jornais e fotografias de aniversários do titular na Igreja da Candelária, almoço com Djalma Landim, presidente da SURSAN, jantar na casa de Moacyr Alves dos Santos Silva, evento de posse de Ernesto Geisel como presidente da República, evento social com a participação do ex-presidente Eurico Gaspar Dutra.
Inclui a participação de Mariano Sánchez, Jorge Torres Ocampo, João Luiz Ferreira.

Eventos com Costa e Silva

Reúne convites para a cerimônia de posse do presidente Costa e Silva e fotografias da chegada do titular ao Rio de Janeiro, após deixar o Ministério da Saúde.

Eventos com Castello Branco

Reúne lista de participantes para o jantar de Natal oferecido pelo presidente Humberto Castelo Branco com os ministros e fotografias de Raymundo de Britto com o presidente em diversos eventos: conversa com o presidente Castelo Branco em saguão de aeroporto; evento na Santa Casa de Misericórdia com o presidente; inauguração de uma sala hospitalar relacionada à saúde da mulher; homenagem de militares em frente ao Palácio Duque de Caxias

Posse como Ministro da Saúde

Reúne álbum e fotografias da posse do titular no Ministério da Saúde; entrevista à imprensa; assessores da Secretaria Estadual de Saúde da Guanabara; Raymundo de Britto cumprimentando o ministro Luís Galotti.

Fotografias

  • BR RJCOC WF-FC-HC-01
  • Dossiê
  • 28/12/1963-2005
  • Parte de Wilson Fadul

Contém: Ordem do Mérito Naval, Mérito Aeronáutico, IV Conferência Nacional de Saúde, Ordem do Mérito Araribóia, lançamento do livro Política Nacional de Saúde Pública.

Dossiê Programa de Desenvolvimento Tecnológico Industrial

Reúne Roteiros de Projetos, Apreciações e Ofícios.
Empresas: Tubos e Conexões Tigre Ltda.; Decarto Indústria de Plástico S.A.; Aquatec Química S.A.; Nortec - Nordeste Química Desenvolvimentos Tecnológicos Ltda.; Tintas Renner S.A.; Coplen S.A. Indústria e Comércio

Consultorias Ad Hoc

Reúne cartas de solicitação para avaliação de projetos e convite para apoio exterior, declaração de participação em consultorias em seminários, análises de propostas em programas de bolsa de desenvolvimento científico, projeto de lei e parecer de consultoria.

Cooperação Técnica Fiocruz - REIMS

Reúne nota de diário oficial, cartas, portaria, relatório preliminar de pesquisa, atestado, lâminas para pesquisa, prestação de contas ao CNPQ, solicitação de co-tutela de teses, solicitação de afastamento do pais e aprovação de projeto na CAPES.

Processos de Orientação

Reúne anteprojeto, projeto, tese, parecer, carta, ofício, licença para pesquisa, declarações e cópia de documentos pessoais.

Resultados 1 a 30 de 1128