Visualização de impressão Fechar

Mostrando 3 resultados

descrição arquivística
José Arthur Alves da Cruz Rios
Visualização de impressão Ver:

Depoimentos orais do projeto Brasil um imenso hospital: ideias e políticas de saúde na invenção do Brasil

Reúne 7 depoimentos. A importância de interpretações sobre a vida social presentes em textos médicos tem sido crescentemente reconhecida em estudos históricos, sociológicos e antropológicos e encontrou uma de suas mais precisas definições na ideia da Higiene como uma ciência social aplicada. No caso do Brasil, principalmente a partir da década de 1980, relatórios, artigos e livros escritos por médicos nos séculos XIX e XX vêm sendo valorizados como referência fundamental para a análise de temas como família, gênero, sexualidade, raça, contrastes culturais, sociais e econômicos, construção da nacionalidade, modernização e desenvolvimento do país. Entre os retratos do Brasil esboçados por médicos e que se tornaram marcos simbólicos de grande poder explicativo a influenciar a imaginação social e política, destaca-se a metáfora do “imenso hospital”. A expressão cunhada em 1916 por Miguel Pereira repercutiu fortemente tanto nas interpretações intelectuais sobre a nacionalidade, quanto nas propostas de políticas públicas de saúde. Tornou-se um emblema das posições críticas à ordem social e política da Primeira República e foi apontada como marco de origem do movimento pelo saneamento rural. A história da metáfora do Brasil como imenso hospital, seus antecedentes, seu impacto nos debates intelectuais e nas políticas públicas de saúde no Brasil até a década de 1960 foram os principais objetos deste projeto. Pretendeu-se argumentar que sua expressividade simbólica e sua referência para a atuação política devem ser analisadas tanto no contexto do movimento sanitarista da Primeira República como em momentos posteriores.

Localidades

Localidades: Nova Brasília (Bonsucesso); Nova Holanda/Maré; Nova Vida/Magarinos Torres; Parada de Lucas; Parque da Alegria; Parque da Cidade; Parque da Prefeitura; Parque João Goulart; Parque Marlene; Parque Proletário; Parque Quatro; Parque São Sebastião; Parque União; Parque Vila Turismo/Novacap/Capitão Bragança; Pasmado; Pau da Bandeira (Rio Comprido); Pau Fincado; Paula Ramos; Pavão-Pavãozinho/Cantagalo/Pedregulho; Pendura Saia; Praia da Bica.
Inclui as publicações Jornal do Brasil, Revista Isto é e O Globo.