Item 21 - Gerson de Oliveira Penna

Área de identificação

Código de referência

BR RJCOC 05-06-01-01-01-06-21

Título

Gerson de Oliveira Penna

Data(s)

  • 2004 (Produção)

nível de descrição

Item

Dimensão e suporte

Documentos sonoros: 3 fitas cassete e 3 CD's (2h45min; cópia digital)

Área de contextualização

Nome do produtor

História arquivística

Entrevista realizada por Laurinda Rosa Maciel, no Rio de Janeiro (RJ), no dia 24 de março de 2004.

Procedência

Área de conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Sumário de assuntos
Fita 1 – Lado A
A infância em Belém, Pará, e informações sobre a família; a ida para o Rio de Janeiro, onde iniciou os estudos em 1965; a volta ao Pará e o ingresso na Faculdade de Medicina, na UFPA, em 1984, e a opção pela Dermatologia; a ida para o Centro Regional de Saúde do Pará, para trabalhar como médico dermatologista, em 1985; a especialização em Dermatologia, em 1986, na UFPA, e o
encontro com Maria Leide W. de Oliveira; relato do episódio em que presidiu uma greve de estudantes contra o fechamento da Santa Casa de Misericórdia e o encontro com Fabíola de Aguiar Nunes, em 1979; as bolsas e os estágios conseguidos durante a graduação e as primeiras atividades profissionais; sua nomeação como supervisor nacional, na DNDS do Ministério da Saúde, em
1987, e seu trabalho no Projeto Nacional para Implantação da Poliquimioterapia no Brasil; o primeiro curso descentralizado de hanseníase realizado em Minas Gerais, em 1986.

Fita 1 – Lado B
A resistência dos médicos dermatologistas em relação à implantação da poliquimioterapia, mesmo esta sendo uma forma única de tratamento em todo o país; a mudança definitiva para Brasília, em 1987; a primeira avaliação do programa de Dermatologia feita pela Coordenação Nacional de Dermatologia Sanitária, em 1988, similar àquela realizada pela OMS na Índia; o momento e as circunstâncias que levaram a Dermatologia Sanitária a implantar o controle da aids; a nomeação de Pedro Chequer como residente do Cenepi do Ministério da Saúde, em 1993, e a nomeação do depoente como chefe adjunto do mesmo órgão.

Fita 2 – Lado A
A criação do Comitê Nacional Assessor em Epidemiologia, em 1993, e o trabalho como chefe adjunto do Cenepi, entre 1993 a 1995; lembranças sobre o período em que Alcenir Guerra era ministro da Saúde, em 1990; a reunião convocada pelo ex-ministro Adib D. Jatene com todos os exministros de Saúde para discutir a questão da alíquota da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) e os financiamentos para a área da Saúde em 1995; outras observações sobre o ex-ministro Alcenir Guerra em relação à hanseníase; o retorno à Fundação Nacional de Saúde (Funasa), em 1996; o doutorado em Medicina Tropical, na UnB, em 2002; a recomendação da OMS sobre um esquema único para hanseníase, em 1998, proposta pelo depoente dez anos antes; a reestruturação do Ministério da Saúde em relação à Dermatologia Sanitária e o Programa Nacional de Controle da Hanseníase, dirigido por Rosa Castália.

Fita 2 – Lado B
Sua avaliação sobre a política de controle de hanseníase no governo iniciado em 2003, de Luis Inácio Lula da Silva; comentários sobre a possibilidade de a hanseníase ser tratada por médicos de outras especialidades e não apenas por dermatologistas; as metas de eliminação da hanseníase propostas pela OMS; a dificuldade em minimizar e eliminar o estigma social em relação à doença.

Fita 3 – Lado A
Continuação dos comentários sobre o estigma e o relato de um diagnóstico de hanseníase de uma médica do interior do Ceará, e o temor desta em relação à doença; comentários sobre a maior prevalência da doença em população de baixa renda e opinião a esse respeito.

Avaliação, selecção e eliminação

Ingressos adicionais

Sistema de arranjo

Transcrição integral e sumário de assuntos

Área de condições de acesso e uso

Condições de acesso

Sem restrição

Condições de reprodução

Sem restrição

Idioma do material

Forma de escrita do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de pesquisa

Área de fontes relacionadas

Existência e localização de originais

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Descrições relacionadas

Nota de publicação

MACIEL, Laurinda Rosa. ‘Memórias e narrativas da lepra/hanseníase: uma reflexão sobre histórias de vida, experiências do adoecimento e políticas de saúde pública no Brasil do século XX’, In História Oral, v. 20, n. 1, p. 33-54, jan./jun. 2017.
Disponível em: <http://revista.historiaoral.org.br/index.php?journal=rho&page=article&op=view&path%5B%5D=696&path%5B%5D=pdf>

Área de notas

Nota

Resenha Biográfica
Gerson Oliveira Penna nasceu em 12 de junho de 1958, em Belém, Pará. Ainda criança, mudou-se para o Rio de Janeiro, onde completou o primeiro e o segundo grau. Voltou ao Pará, onde ingressou na Faculdade de Medicina da UFPA em 1982, e concluiu o curso em 1986. Em 1986 e 1987, respectivamente, tornou-se especialista em Dermatologia e em Dermatologia Tropical pela mesma universidade. Fez doutorado em 2002 na área de Medicina Tropical na Universidade de Brasília (UnB), desenvolvendo pesquisa sobre um tratamento único para a hanseníase, a exemplo do que já existia para a tuberculose. Trabalhou como professor colaborador da UFPA, logo após a conclusão da graduação. Pouco tempo depois, assumiu o cargo de chefe do Serviço de Dermatologia Sanitária de Belém, pela Secretaria Estadual de Saúde. Em 1987, foi para Brasília como Supervisor Nacional na Divisão Nacional de Dermatologia Sanitária (DNDS) do Ministério da Saúde, a convite de Maria Leide W. de Oliveira. No ano seguinte, foi eleito vice-presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). Trabalhou como coordenador geral da Coordenação Nacional de Dermatologia Sanitária da Fundação Nacional de Saúde de 1990 a 1993. Após essa experiência, foi nomeado diretor do Centro Nacional de Epidemiologia (Cenepi) onde permaneceu até 1995. Nesse mesmo ano, foi nomeado assessor especial do ministro da Saúde, Adib D. Jatene. Foi fundador e diretor do Centro Nacional de Epidemiologia (Cenepi) do Ministério da Saúde; consultor da OPAS, da OMS e do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Pertence ao Comitê Editorial da Leprosy Review, único periódico indexado sobre o tema hanseníase no Med Line, e da London School of Hygiene and Tropical Medicine. Foi secretário de vigilância em saúde do Ministério da Saúde e presidente do conselho consultivo da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). É médico e pesquisador adjunto do Núcleo de Medicina Tropical da UnB e pesquisador associado dos Centros de Referência Nacional em Dermatologia (Fortaleza, CE) e da Fundação Alfredo da Matta (Manaus, AM).

Notação anterior

Pontos de acesso

Ponto de acesso - assunto

Ponto de acesso - local

Ponto de acesso - nome

Pontos de acesso de género

Área de controle da descrição

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

Status da descrição

nível de detalhamento

Datas de criação, revisão, eliminação

Idioma(s)

Escrita(s)

Fontes utilizadas na descrição

Zona da incorporação

Entidades coletivas, pessoas ou famílias relacionadas

Géneros relacionados

Lugares relacionados