Pavilhão Mourisco

Taxonomia

Código

Nota(s) de escopo

  • A edificação foi projetada entre 1903 e 1908 pelo arquiteto Luiz Moraes Jr. sob orientação de Oswaldo Cruz, e inaugurada em 1909. Desde então, abriga o espaço de trabalho do diretor do Instituto Oswaldo Cruz. Sua arquitetura constitui hoje, no Rio de Janeiro, a maior referência à linguagem neomourisca, herdeira do movimento arquitetônico denominado alhambrismo. É tombado pelo Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), fazendo parte do conjunto eclético do Núcleo Arquitetônico Histórico de Manguinhos (NAHM). Também é conhecido como Castelo Mourisco ou Castelo da Fiocruz.

Fonte

  • Fundação Oswaldo Cruz. Casa de Oswaldo Cruz. Construções, registros e intervenções: inventário do acervo de documentos cartográficos do Fundo Presidência da Fiocruz, Seção Dirac. Rio de Janeiro: Fiocruz/COC, 2011.

Exibir nota(s)

Termos hierárquicos

Pavilhão Mourisco

Termos equivalentes

Pavilhão Mourisco

  • Use para Castelo
  • Use para Castelo Mourisco

Termos associados

Pavilhão Mourisco

48 Resultado(s) para Pavilhão Mourisco

48 resultado(s) diretamente relacionado(s) Excluir termos relacionados

Visita de Albert Einstein ao Instituto Oswaldo Cruz

Da esquerda para a direita, Arthur Getulio das Neves, Carlos Chagas, Albert Einstein, José Carneio Felipe, Alcides Godoy, Astrogildo Machado, Roberto Marinho de Azevedo e Leocádio Chaves. Fotografia de J. Pinto.

Arquitetura

  • BR RJCOC 01-30-05-48-01
  • Dossiê
  • 1954 - 1970
  • Parte de Presidência