Arthur Moncorvo Filho

Área de identificação

tipo de entidade

Pessoa

Forma autorizada do nome

Arthur Moncorvo Filho

Forma(s) paralela(s) de nome

Formas normalizadas do nome de acordo com outras regras

  • Moncorvo Filho, Arthur, 1871-1944

Outra(s) forma(s) de nome

  • Carlos Arthur Moncorvo de Figueiredo Filho
  • Moncorvo Filho

identificadores para entidades coletivas

área de descrição

Datas de existência

1871-1944

Histórico

Nasceu em 13 de setembro de 1871, na cidade do Rio de Janeiro (RJ), filho de Carlos Arthur Moncorvo de Figueiredo, considerado o pai da pediatria brasileira, e Izabel da Silveira Ferreira e Figueiredo. Passou os primeiros anos de vida na Europa, principalmente em Paris, onde seu pai realizou estágios com os médicos Eugène Bouchut e Henri-Louis Roger. Em 1897 diplomou-se pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, defendendo a tese de doutoramento intitulada Das linfangites na infância e suas consequências. Durante o curso médico trabalhou na Policlínica Geral do Rio de Janeiro, instituição criada em 1881 por seu pai e outros médicos de renome lotados na cidade. Com a morte de Carlos Arthur Moncorvo de Figueiredo, em 1901, ocupou o seu lugar no comando do serviço de moléstias de crianças da policlínica. Desde o início da carreira abraçou a causa da assistência médico-social à criança brasileira de família pobre. Seguindo os passos profissionais de seu pai iniciou uma grande propaganda a favor da higiene infantil e da puericultura. Para isso criou e dirigiu o Instituto de Proteção e Assistência à Infância (1899), entidade filantrópica e seu principal legado, o Heliotherapium (1914), o Departamento da Criança no Brasil (1919) e o Museu da Infância (1922). Em 1918 atuou ativamente no combate à gripe espanhola na capital federal, quando transformou as dependências do Instituto de Proteção e Assistência à Infância em um posto de assistência aos doentes, localizado na rua Visconde do Rio Branco, n. 22, região central do Rio de Janeiro. Em 1941 transferiu todo o patrimônio do instituto para a prefeitura da cidade. Ao longo de sua trajetória desenvolveu vasta e diversificada produção científica referente a assuntos de sua especialidade, como coqueluche, bacteriologia, higiene profilática, doenças parasitárias, tuberculose, alimentação e mortalidade infantil, difteria e a cura pelo sol. Escreveu ainda livros sobre a história da pediatria no país: Hygiene infantil (1917), Formulário de doenças das creanças (1923) e Histórico da protecção à infância no Brasil (1926). Foi membro da Academia Nacional de Medicina, da Sociedade de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro e da Sociedade Brasileira de Pediatria, entre outras associações médico-científicas. Morreu em 14 de maio de 1944, no Rio de Janeiro.

Locais

forma

Estado Legal

objetivo

Funções, ocupações e atividades

Médico pediatra
Fundador e diretor do Instituto de Proteção e Assistência à Infância do Rio de Janeiro, 1899-1944
Membro honorário da Academia Nacional de Medicina, 1919-1944
Presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria, 1933

Mandatos/Fontes de autoridade

Estruturas internas/genealogia

Contexto geral

Área de relacionamento

Entidade relacionada

Instituto de Proteção e Assistência à Infância (IPAI) (1899-1935)

Identifier of related entity

Categoria da relação

associative

Datas da relação

Descrição da relação

Entidade relacionada

Carlos Arthur Moncorvo de Figueiredo (1846-1901)

Identifier of related entity

Categoria da relação

family

Tipo de relação

Carlos Arthur Moncorvo de Figueiredo

pai de

Arthur Moncorvo Filho

Datas da relação

Descrição da relação

Entidade relacionada

Marcílio Andrade Moncorvo (1904-1991)

Identifier of related entity

Categoria da relação

family

Tipo de relação

Marcílio Andrade Moncorvo

filho(a) de

Arthur Moncorvo Filho

Datas da relação

Descrição da relação

Entidade relacionada

Guilhermina de Andrade Moncorvo (18??-1931)

Identifier of related entity

Categoria da relação

family

Tipo de relação

Guilhermina de Andrade Moncorvo

casado(a) com

Arthur Moncorvo Filho

Datas da relação

1896 - 1931

Descrição da relação

Entidade relacionada

Izabel da Silveira Ferreira e Figueiredo (18??-1939)

Identifier of related entity

Categoria da relação

family

Tipo de relação

Izabel da Silveira Ferreira e Figueiredo

mãe de

Arthur Moncorvo Filho

Datas da relação

Descrição da relação

Entidade relacionada

Emília Dulce de Oliveira Moncorvo (1829-1852)

Identifier of related entity

Categoria da relação

family

Tipo de relação

Emília Dulce de Oliveira Moncorvo

avô/avó de

Arthur Moncorvo Filho

Datas da relação

Descrição da relação

Entidade relacionada

Carlos Honório de Figueiredo (1824-1881)

Identifier of related entity

Categoria da relação

family

Tipo de relação

Carlos Honório de Figueiredo

avô/avó de

Arthur Moncorvo Filho

Datas da relação

Descrição da relação

Área de ponto de acesso

Ponto de acesso - assunto

Ponto de acesso - local

Ocupações

Área de controle da descrição

Identificador de autoridade arquivística de documentos

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

ISAAR(CPF): norma internacional de registro de autoridade arquivística para entidades coletivas, pessoas e famílias.

Status da descrição

nível de detalhamento

Datas das descrições (criação, revisão e remoção)

Idioma(s)

Escrita(s)

Fontes utilizadas na descrição

CARNEIRO, Glauco. Um compromisso com a esperança: história da Sociedade Brasileira de Pediatria - 1910-2000. Rio de Janeiro: Expressão e Cultura, 2000. p. 100-131.
FREIRE, Maria Martha de Luna; LEONY, Vinícius da Silva. A caridade científica: Moncorvo Filho e o Instituto de Proteção e Assistência à Infância do Rio de Janeiro (1899-1930). História, Ciências, Saúde – Manguinhos, Rio de Janeiro, v.18, supl. 1, p. 199-225, dez. 2011.
SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA. Carlos Arthur Moncorvo Filho (1871-1944). Rio de Janeiro, 2018. Disponível em: https://www.sbp.com.br/academia-brasileira-de-pediatria/institucional/quadro-de-titulares/carlos-arthur-moncorvo-filho. Acesso: 16 maio 2018.
WADSWORTH, James E. Moncorvo Filho e o problema da infância: modelos institucionais e ideológicos da assistência à infância no Brasil. Revista Brasileira de História, São Paulo, v. 19, n. 37, p. 103-124, set. 1999.

Notas de manutenção